quarta-feira, 7 de julho de 2010

EDUCAR PARA TRANSFORMAR

VISÃO

Seremos uma escola voltada para a qualidade no atendimento a todos os que necessitam de nossos serviços educacionais, bem como melhorar as condições didático-pedagógicas para desenvolver um trabalho educativo e social com um olhar especial para a biodiversidade.

MISSÃO

Assegurar um ensino de qualidade, garantindo o acesso e permanência dos alunos na escola, formando cidadões capazes de acompanhar a transformação da sociedade preservando a natureza.

VALORES

Competência, solidariedade, disciplina, coletividade, compromisso com a vida, justiça social, respeito à natureza, religiosidade e consciência de que toda opção repercute no todo.

HINO DA ESCOLA

Berço de sabedoria.
César Marques, filho de Caxias
O contemplamos com emoção
por fazer parte do nosso Maranhão.

Em tua homenagem
A escola te exalta
César Marques tu és grandioso
Em tua história de glória e de luz
És altivo e a todos conduz

Com amor e tradição
Educando cada geração
Nos sentimos tão felizes
Por sermos seus aprendizes

O conhecimento é o sabor.
Que faz sempre um vencedor
Por isso és nossa inspiração
Fruto fértil da Princesa do Sertão

És gigante em tua estrutura
Tens beleza, nome e tradição
Já formates ilustres
Engrandecendo a nossa
Nação.

Lembraremos com orgulho o teu nome
E tudo de bom que aprendemos
Obrigado escola querida
Jamais te esqueceremos

Refrão

Salve! Salve! Escola
querida
Do saber és sublime esplendor
Em tuas salas buscamos conhecimentos
Para sermos cidadãos de valor

Composição : Cícera Rodrigues, Tiago Barbosa e Vilma Viana (Alunos do noturno 2009)
Maria Nazaré Mota.

POESIA - O LIVRO

O livro é bom.
Por que coisas boas ele passa para as pessoas.
Quer ensinar.
para que assim...
Na frente
As pessoas que estão lendo.
Aprendam.
E lá na frente.
Um bom serviço arranjar.
E os que não estudam.
Lá na frente.
Se arrependerá.
Por que vai querer um bom serviço.
E um bom serviço, não vai arranjar.

Autor: Antonio José Silva Almeida (1° Ano Vespertino 2010)

POESIAS

A Vida de César Marques

A Princesa do Sertão
acolhe seus pais
que, desde então
dão a vida a um varão

Caxias berço deste nascimento
do ilustre e erudito
de sua época um talento

Moço das primeiras letras
aprendeu num instante.
de olhar fixo ao mar
e o Convento das Mercês a contemplar
São Luis seu novo lar.

Atravessou o Atlântico
por do sol sobre o Rio Dourado
Coimbra a cidade de Portugal
formou-se doutor honrado.

De volta a terra do Pau-Brasil
encanta-se por uma baiana
a troca de alianças
demonstra que o amor lhe doma.

Cavaleiro do Imperador
algumas profissões abraçou:
Médico, Professor, Provedor
Secretário, Pesquisador
Historiador e Escritor.

Na Bahia se encantou
em Manaus lecionou
Piauí trabalhou
Pará se libertou
indisposto peregrino
de seu posto se afastou.

Pede baixa do destino
o célebre doutor
por tanto que andou
no Rio de Janeiro tombou.

Autora:Francisca Maricir Cardoso Magalhães Caxias-MA 2007:study: